A minha coleção de dedais


«É difícil encontrar uma pessoa que nunca teve uma coleção ou pelo menos tentou colecionar algum tipo de objeto ao longo da vida», Mariana Teodoro.


A minha infância não foi pautada por um infindável número de coleções. Do que me recordo, fiz de tazos, dos pequenos matutolas, de cromos de futebol e de anilhas. De todas estas, a que mais me custou ter perdido, sem saber como, foi a dos matutolas. Tinha imensos e sei que me fartei de brincar com aqueles pequenos monstrinhos. Posteriormente, passei a guardar objetos com um valor mais simbólico, como bilhetes de cinema, de futebol, recortes de jornais - e ainda tenho as capas onde arquivei todos esses pedacinhos de histórias.

Desde pequena que passeio muito por Portugal, mas nem sempre dei o devido valor a isso. À medida que fui crescendo, fui-me tornando mais consciente. Apaixonei-me pela beleza e pela história de cada local. E há uns anos comecei a querer trazer um bocadinho de cada um deles comigo. O único requisito é que fosse algo que, efetivamente, identificasse o lugar em si. Não só para ser mais significativo, mas também para ser mais fácil de reconhecer. Isto correu bem no início, mas depois percebi que não seria sempre possível, até porque nem todos os sítios têm algo que, materialmente falando, os diferencie. Portanto, fui-me mentalizando que teria que repetir objetos. 

Estava na Ciudad Rodrigo, precisamente a tentar escolher uma recordação, quando a minha mãe me questionou: «E porque não um dedal? Não ocupa muito espaço, sabes exatamente de onde é e até podes começar a fazer uma coleção». Ela continuou a visitar o resto da loja e eu fiquei parada em frente aos dedais, a pensar que, de facto, seriam uma boa aposta. E foi a partir desse momento que a minha coleção começou a ganhar forma. Aos pouquinhos. Sem pressas. E a parte engraçada é que tenho amigos que sabendo disto também fazem questão de me brindar com dedais das suas viagens; até o meu vizinho já me trouxe um em forma de coelho, porque se lembrou que faço coleção. 

Atualmente, tenho 61. E há sítios de onde tenho mais do que um. Pessoalmente, aprecio aqueles que têm relevo (como o do Porto, ou Caminha, por exemplo), mas não sou esquisita. O mais barato custou cerca de 1€, mas, confesso, já não me lembro qual é. O mais caro foi o da Régua, que custou 4,50€. Os restantes rondam os 2€/2,50€. Tenho aqui um pequeno investimento. E preservo a certeza de que haverá sempre espaço para mais um! 


Deixo-vos, agora, com os protagonistas:

1; 2; 3; 4; 5

1. Porto;
2. Caminha;
3. Benalmádena; 
4. Vila Nova de Foz Côa;
5. Leça do Balio;


6; 7; 8; 9; 10









6. Viana do Castelo;
7. Alvor (oferecido);
8. Lago de Sanabria;
9. Algarve (oferecido);
10. Albufeira (oferecido);

11; 12; 13; 14; 15



11. Salamanca;
12. Ílhavo (Navio Museu Stº André);
13. Albufeira (oferecido);
14. Sanxenxo;
15. Braga (Sé); 

16; 17; 18; 19; 20







16. Sanabria;
17. Espanha (oferecido);
18. Figueira da Foz;
19. Régua;
20. Pão de forma;

21; 22; 23; 24; 25




21. Leiria;
22. São Pedro do Corval - Reguengos de Monsaraz;
23. São João da Pesqueira;
24. Praia da Rocha (oferecido);
25. Torre de Moncorvo;

26; 27; 28; 29; 30






26. Mirandela;
27. Açores (oferecido);
28. Galo de Barcelos;
29. Portugal;
30. Coelho;

31; 32; 33; 34; 35




31. Vila do Conde;
32. Fátima;
33. Praia da Vieira; 
34. Vila Pouca de Aguiar;
35. Arouca;

36; 37; 38; 39; 40






36. Castelo de Bragança;
37. Madrid (oferecido);
38. Virgem da Roca - Baiona;
39. Bragança (Careto);
40. Matrioska (oferecido);

41; 42; 43; 44; 45





41. Tomar;
42. La Toja;
43. Baiona;
44. Lenço dos namorados;
45. Aveiro;

46; 47; 48; 49; 50






46. Lenço dos namorados (oferecido):
47. Vila Nova de Cerveira;
48. Lenço dos namorados;
49. Caminha;
50. Chaves;

51; 52; 53; 54; 55; 56





51. Zamora;
52. Bom Jesus de Braga;
53. Mogadouro;
54. Lamego;
55. São Bento da Porta Aberta;
56. Macedo de Cavaleiros;

57; 58; 59; 60; 61






57. Valladolid (oferecido);
58. Ribadelago;
59. Sanabria;
60. Albufeira (oferecido);
61. Ciudad Rodrigo






E vocês, fazem alguma coleção?

You Might Also Like

26 comentários

  1. Os meus parabéns minha amiga por estes magníficos e belos dedais, gostei bastante.
    Um abraço e boa semana.
    Andarilhar || Dedais de Francisco e Idalisa || Livros-Autografados

    ResponderEliminar
  2. Adoro colecoes :) A minha infancia tambem foi recheada pelos tazos e cromos da bola :) Esses dedais sao lindos :) Agora ando virada para globos de neve e ja tenho o da nossa cidade :)
    Bjinhosss e tem um bom dia, princesa*
    https://matildeferreira.co.uk/

    ResponderEliminar
  3. Uau!! Tens tantos, o dificil é mesmo escolher o mais bonito. São todos fantásticos. Parabéns por esta coleção!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Eu, pessoalmente, não faço colecção de objectos, já o mê senhor faz de canetas, fitas de porta-chaves...
    Kis:=}

    ResponderEliminar
  5. Que colecção tão gira e interessante ^_^

    ResponderEliminar
  6. Gostei dos teus dedais, mas o de Viana do Castelo é o mais bonito... eheheh...
    Nunca fui grande coleccionador.
    Andreia, continuação de boa semana.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  7. Tantos. Se calhar não compraria dedais, em si, mas o facto de serem sobre locais, ia amar ter. Não sei se é uma colecção mas eu tenho ímans para pôr no frigorífico, dos locais que já visitei. Mas comecei tarde e ainda tenho poucos.

    ResponderEliminar
  8. Gostei muito de ter aqui vindo dar :)

    Voltarei.

    ResponderEliminar
  9. Olá Andreia
    Como é linda a sua coleção de dedais. E a tendência é crescer ainda mais
    São peças lindas minha amiga
    Beijos

    ResponderEliminar
  10. Adorei o de castor!! Por muito estanho que pareça, não tenho um dedal, mas realmente fazia-me jeito xD
    Não sei se posso chamar bem de coleções mas eu guardo tudo e mais alguma coisa. Bilhetes de viagens, museus, postais, pins e até aqueles papéis de amostra de perfume.

    ResponderEliminar
  11. É uma ideia muito gira. Eu colecciono copos de shots xD
    Um beijinho grande*
    Novo blogue! Crazy Cat Lady

    ResponderEliminar
  12. Andreia que linda a sua coleção de dedais, cada dedais é mais lindo um do que o outro, Andria bjs.
    http://www.lucimarmoreira.com/

    ResponderEliminar
  13. wow eu nem imaginava que coleccionavas dedais! Adorei conhecer a coleção!

    Bjxxx
    Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  14. Que dedais tão lindos *_*


    R: Obrigada, os testes correram muito bem ;)

    ResponderEliminar
  15. Opha fiquei fascina com esta tua colecção.
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  16. Que lindos dedais , magnifica coleção :D

    www.culturadeescape.blogspot.pt/

    Become part of Cultura de Escape World:
    Facebook PageBloglovin'Blogs de PortugalGoogle +InstagramPinterest

    ResponderEliminar
  17. Acho que meu vô tinha mania de colecionar dinheiro, ele juntava um monte e demorava até umas horas para gastar, acho que era colecionador. Meu pai puxou ele. Eu colecionei palitinhos de picolé, quando era criança, até um dia que minha mãe entrou no quarto e tinha 5.697 deles, eu estava esperando para fazer uma festa nos seis mil. Ela falou você é doido, garoto, olha esse lixo, vai colecionar o que preste. Aquilo me doeu. Eu tinha tido quase uma broncopneumonia para juntar tanto palito chupando picolé, e ela vem me chamar de doido???
    Aí tempoe e tempos depois eu cheguei a colecionar namoros.
    Passei os palitinhos de picolé...
    Abraço

    ResponderEliminar
  18. Que giro...achei super fofa a tua colecção =)
    Beijinhos**

    http://anaandstyle.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  19. Nunca conheci ninguém que fizesse coleção de dedais! Que ideia diferente :o
    São tão giros, nem sabia que existiam tantos diferentes.

    ResponderEliminar
  20. Adoro!!! Que bela coleção que tu aqui tens :)

    ResponderEliminar