O Livro das 1001 Noites

By Andreia Morais - outubro 10, 2017

Fotografia da minha autoria

«Xerazade consegue adiar a sua morte às mãos do rei, que matava as donzelas depois de passar com elas uma noite, ao começar a contar-lhe um conto, que deixa incompleto, e que desperta o interesse do monarca»


O Expresso lançou a coleção d' O Livro das 1001 Noites. Dividido em sete volumes, cada um deles tem a particularidade de ter um prefácio e ilustrações únicos, de artistas diferentes. Este clássico da literatura mundial dispensa apresentações, mas contar com a presença de Miguel Sousa Tavares, Rodrigues Guedes de Carvalho, Clara Ferreira Alves, Valter Hugo Mãe, Alice Vieira, José Luís Peixoto, Mia Couto [prefácios], Kruella, Lord Mantraste, Pedro Proença, Cláudia Guerreiro, Gonçalo Viana, Fatimorri e Hugo Makarov [ilustrações] permite enriquecê-lo. E de que maneira!

O famoso mundo das histórias populares árabes despertava-me bastante curiosidade. E poder descobri-lo através da personalidade tão singular de Xerazade era uma oportunidade imperdível. Por isso, ao longo de sete semanas, adquiri os volumes que contêm em si contos «incontornáveis», como é o caso de Ali Babá e os 40 ladrões, Aladino, Simbad, entre tantos outros. Todos eles deixam-nos perceber a importância de preservar a literatura oral, ao mesmo tempo que nos fazem viajar por um universo de encantamento, tradição, magia, sacrifício, vingança, poder, ciúme, moralidade, superstição e amor. E, naturalmente, o fascínio por esta obra advém muito do seu lado exótico e oriental.

Os prefácios, para além de contextualizarem as narrativas daquele volume, permitem-nos conhecer, de igual modo, a opinião dos diversos escritores e as suas interpretações, tornando-nos mais próximos e conscientes do que estamos a ler. Por ser lado, as ilustrações [capa e contracapa] colocam em evidência esse lado exótico e místico das Mil e Uma Noites. Na minha opinião, foi um trabalho muitíssimo bem conseguido. E que faz total justiça a esta obra.

Não posso deixar de me focar na personagem principal: Xerazade! É uma mulher inteligente, que se propõe a seguir um plano arriscado. Mas é esta sua decisão que aumenta o suspense e nos faz querer avançar no enredo, que se divide em várias histórias, como se fossem um conjunto de matrioskas. E esta estrutura transmite a ideia de narrativas infinitas, onde a imaginação nunca tem fim. É uma obra que se lê com bastante fluidez. Contudo, é preciso fazê-lo com atenção, para não nos perdermos em todos os contos intermédios. E é impressionante a agilidade com que se inicia uma nova história. E como acabam por se interligar.

Para finalizar, termino com um pensamento de José Luís Peixoto, que realça que «todos somos Xariz», porque precisamos de histórias diariamente, mas que também somos Xerazade, pelo facto de as contarmos «em cada gesto, em cada palavra». E dependermos «delas para sobreviver». Sinto que a qualidade foi aumentando de volume para volume. E que a vertente caricata e detalhada de cada conto nos prende e transporta para esta realidade carregada de fantasia e ensinamentos.

  • Share:

You Might Also Like

14 comentários

  1. Quero muito ter a colecção d'As Mil e Uma Noites, mas desta edição: http://www.e-primatur.com/projectos/detalhe/54
    É a primeira tradução portuguesa feita a partir de manuscritos árabes antigos, já que a pessoa que trouxe estes contos para a Europa deturpou-os e inventou outras histórias. É uma grande oportunidade para quem quer ler a obra na sua forma mais genuína possível :)

    ResponderEliminar
  2. Adorei. E realmente todos precisamos de histórias e todos as contamos. Gostei imenso deste último parágrafo! <3

    THE PINK ELEPHANT SHOE // Ganha dois batons da Avon!

    ResponderEliminar
  3. Fiquei curiosa :)

    Para além disso os livros são muito bonitos e de capas atractivas.

    Beijinhos :*

    ResponderEliminar
  4. Adianto que são produtos incríveis, viu?! ;)

    Que linda essa coleção! São livros perfeitos para presentear, né?!

    Ótima terça!

    Beijo! ^^

    ResponderEliminar
  5. Há coisas incríveis pela mundo fora,
    mais tempo eu gostava de por cá andar
    sem nenhuma pressa ter de ir embora
    para além das mil uma noites continuar!

    Tenha uma boa tarde Andreia.

    ResponderEliminar
  6. Que interessante! Ando a precisar de ler, mas ainda preciso mais de Tempo! Está difícil...

    *Tinha saudades. Tenho andado fugida, mas voltei por agora ao blog.*

    Beijinho d'

    A Marta
    https://amartaeumblog.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. A coleção parece ser ótima e gostei das capas rr

    Beijinhosss ;*
    Blog Resenhas da Pâm

    ResponderEliminar
  8. Conhecia a história, mas não sabia que havia uma coleção! Vou tratar de ler!

    Bjxxx
    Ontem é só Memória | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  9. Por acaso não sabia desta colecção mas parece-me super interessante!

    ResponderEliminar
  10. Não sabia desta colecção estou curiosa em ver
    https://retromaggie.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  11. É super interessante :P

    Grande parte das coleções que tenho , sejam livros ou enciclopédias, saíram como oferta dos jornais. E acho isso uma mais valia :p Não sabia desta coleção mas acho que realmente vale a pena... E sendo por volumes ainda melhor :D

    NEW OUTFIT POST | THE MOST EASY WAY TO BE HAPPY!
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D


    Please, VOTE FOR ME

    ResponderEliminar
  12. Que coleção tão interessante, adoro as 1001 noites.

    ResponderEliminar