As minhas viagens de metro #45

Imagem retirada do google

«A solidão modifica as vozes», Friedrich Nietzsche


Cheque-mate! Deixei de ter medo do medo. De ti. Daquilo que poderia sentir quando te dissesse adeus. Definitivamente.

Merecias que batesse com a porta, mas, ainda assim, mantive a compostura. A minha voz interior insultou-te algumas vezes, mas por trás do meu sorriso irónico não deixei que soubesses tudo aquilo que ela te chamou. Não cedi. Não hesitei. Não deixei que me fizesses frente. Virei costas e saí da sala enquanto estavas com esse ar ridículo de surpresa. Deixei que me controlasses durante demasiado tempo, que me reduzisses só para que nunca ousasse pôr em causa as tuas ações. Esse tempo acabou!

Fiz uma jogada de mestre e fechei a porta atrás de mim, sem me preocupar se continuarias de pé, incrédulo ou a ponto de desfazeres tudo aquilo que encontrasses à tua frente. Não terás alguém para dominar. Sentirás o gosto amargo de tudo aquilo que me fizeste reprimir. Não tinha sede de vingança, mas venceste tempo a mais. Agora apodrecerás agarrado ao desfecho que mais temias: ficar sozinho.


M, 16.02.2015

You Might Also Like

15 comentários

  1. Muito bom. Às vezes este poder simples de fazer alguém pensar no que fez tem tanta força, mais que qualquer tipo de vingança, porque a melhor vingança que podemos dar a quem nos magoou é a indiferença.

    Forte, adorei :)

    Beijinhos, boa quarta-feira!
    http://gestoolharesorriso.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  2. Boa :) Que bom que conseguiste te desfazer daquilo que não te fazia bem. :) que texto tão bonito :)

    ResponderEliminar
  3. Tão bom libertamo-nos daquilo que nos "consumia" há muito... :) gostei muito do texto!

    ResponderEliminar
  4. Por vezes temos de soltar as amarras... por mais dificil que seja!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. ;D

    Às vezes temos que dar adeus ao que nos faz mal.

    Ótima quarta!

    Beijo! ^^

    ResponderEliminar
  6. R.É uma das que mais ando a ouvir. Foi lançada mesmo na hora H, nunca uma música disse tanto de mim.

    ResponderEliminar
  7. É uma sensação muito boa quando nos livramos daquilo que nos faz mal, é um alívio!

    r: tens razão minha querida.. o importante é termos conseguido manter a amizade quando o amor "decidiu" não resultar.. a cada dia agradeço mais a nossa amizade, temos um elo de ligação que talvez nem toda a gente consiga perceber :) e mais do que tudo sinto-me feliz e agradecida por isso :)

    ResponderEliminar
  8. Pessoas negativa nos faz mal ótima postagem, obrigado pela visita.
    Blog: https://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal:https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderEliminar
  9. É ótimo quando nos soltamos daquilo que nos atormenta! Lindo! Lindo!

    ResponderEliminar
  10. Texto belíssimo, mais relevante a importância pessoal que contém! Beijinhos :)

    ResponderEliminar
  11. Texto belíssimo Andreia
    Soltar as amarras e se libertar... uma bela decisão
    Beijos

    ResponderEliminar
  12. Muito obrigado eu, meu anjo. Pelo apoio e pelo carinho de sempre. És fabulosa :D

    Continua a escrever como ninguém. Viajar contigo no metro e como fazer uma introspecção :)

    NEW REVIEW POST | Dermacol: Make-Up Cover.
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar